VÍDEO: veja novos ângulos da explosão de caminhão-tanque em Vila Isabel e estragos em prédios do entorno


Vidros de portaria de edifício ficaram estilhaçados na hora da explosão e portão de alumínio da garagem quebrou. Acidente ocorreu na Rua Gonzaga Bastos, na altura do Boulevard 28 de Setembro. Veja novas imagens da explosão de caminhão-tanque em Vila Isabel, no Rio
Câmeras de segurança de prédios da Rua Gonzaga Bastos, em Vila Isabel, na Zona Norte do Rio de Janeiro, registraram o momento em que um caminhão-tanque de gasolina da Vibra, que atende a Petrobras, explodiu e causou estragos em prédios da região, na manhã desta sexta-feira (21).
Vidros de uma portaria inteira ficaram estilhaçados logo depois que o caminhão aparece na imagem reduzindo a velocidade e há a explosão.
Em outras imagens, é possível ver o momento em que parte do portão de alumínio de uma garagem é arrancado.
O incidente aconteceu às 8h43, quando o veículo se aproximava do sinal de trânsito na esquina da Boulevard 28 de Setembro.
Em outras imagens é possível ver dois carros — um Jeep Compass e um Chevrolet Prisma — atrás do caminhão, que teve a “tampa” do cilindro rasgada em 3 partes e atirada a quase 100 metros de distância.
Caminhão-tanque explode em Vila Isabel, no Rio de Janeiro
Filho de Runco, médico ex-Flamengo e Seleção Brasileira, dirigia atrás de caminhão-tanque que explodiu: ‘Cenário caótico’
Câmera de segurança registrou explosão e mostra o clarão e pedaços do veículo voando
g1 Rio
Testemunhas disseram ter visto o caminhão encostar na fiação da rua e, na sequência, uma fagulha.
A carreta voltava da Barra da Tijuca, onde deixou 30 mil litros do combustível, e seguia para o estacionamento da empresa.
Explosão de caminhão-tanque provoca estragos em Vila Isabel
‘Achei que poste tinha explodido’
O médico Guilherme Runco estava dirigindo logo atrás do caminhão. O carro em que estava, um Jeep Compass blindado, foi atingido.
“Foi uma coisa repentina. Na hora não consegui entender, um barulho muito alto. Senti uma pressão me empurrando contra o banco do carro e vi o para-brisa se estilhaçar na minha frente”, narrou.
“Eu vi um poste com uma faísca. Achei que era o poste que tinha explodido. Só depois percebi que era um caminhão. Saí do carro e vi um cenário caótico”, emendou.
O técnico de TV Odair Cândido, que também dirigia, viu quando o cilindro se rompeu. “Um transformador também explodiu. Tentei dar uma ré e vi as peças voando por cima.”
Fiação baixa em via
O aposentado Lauro Pedro da Silva diz que acidentes assim são comuns na Gonzaga Bastos. “A fiação é bem baixa, e volta e meia passa caminhão. Os mais altos, de carga, sempre esbarram nos cabos de alta tensão. Aí transformador explode, e o quarteirão fica sem luz”, reclamou.
“Por sorte, esse caminhão estava vazio, porque se ele estivesse cheio, nem sei o que poderia acontecer, porque ia pegar fogo em tudo aqui.”
Destruição na Rua Gonzaga Bastos
Rafael Nascimento/g1
Janelas de apartamentos estilhaçadas
Com o brusco deslocamento de ar, dezenas de janelas dos apartamentos em volta do caminhão se estilhaçaram. Em alguns casos, até a esquadria foi parar no chão. Canteiros de árvores e carros também sofreram avarias.
A moradora Carla Niemeyer conta que a janela do primeiro andar de um prédio a 300 metros de distância também se partiu. “Foi um barulho ensurdecedor, parecia que estava acabando o mundo”, disse.
Cristina Miranda acredita ser milagre ninguém ter se machucado.
“A impressão é que o prédio da frente estava caindo. Foi uma sensação muito ruim. Estilhaços caíram na caminha do meu gato. A sorte é que ele não estava na hora. Foi muito estranho não ter ninguém na rua. Isso foi um milagre porque essa rua é muito movimentada, só tinha dois carros e ninguém passando na hora. Foi muita sorte”, detalha Cristina Miranda.
Estilhaços da janela caíram na cama do gato de Cristina
Reprodução
O que dizem as autoridades
A assessoria de imprensa da Petrobras informou que a responsabilidade dos caminhões operados para transporte de combustível é da Vibra, “que tem direito a uso de imagem da marca”.
A Vibra disse que o caminhão-tanque estava vazio. “A companhia mobilizou a transportadora para que todas as providências de emergência sejam tomadas. Não houve vítimas nem vazamento de combustível. A distribuidora segue acompanhando o caso”, declarou.
A Polícia Civil disse que a 20ª DP (Vila Isabel) foi acionada e iniciou diligências para esclarecer os fatos.
Caminhão-tanque explodiu na Rua Gonzaga Bastos, em Vila Isabel
Reprodução
Caminhão da Vibra cujo cilindro explodiu
Rafael Nascimento/g1
Adicionar aos favoritos o Link permanente.