• New Page 1

    RSSFacebookYouTubeInstagramTwitterYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTube  

Familiares relatam que vítima de feminicídio em Piracicaba já queria terminar relacionamento


Crime ocorreu na desta terça (20) no Bairro Santa Terezinha-Bessy. Homem já tinha passagem na polícia por violência doméstica. Homem mata esposa e espera ao lado do corpo por quase 10h em Piracicaba
A mulher de 32 anos vítima de feminicídio em Piracicaba (SP) na terça-feira (20) já tinha mostrado vontade de terminar o relacionamento com o suspeito, segundo familiares. Ela foi morta enforcada durante uma discussão na casa onde os dois moravam, no bairro Santa Terezinha-Bessy.
📲 Receba no WhatsApp notícias da região de Piracicaba
A vítima é Thamires Nathália Rulin. Conforme apuração da EPTV, afiliada TV Globo, o casal estava junto há cerca de oito anos e familiares relatam que ela já tinha expressado a vontade de terminar, mas ele não aceitava o fim.
Na terça-feira pela manhã, o homem teria a matado enforcada durante uma discussão e permaneceu no imóvel com o corpo da vítima por cerca de 9 horas.
Os dois moravam em uma casa alugada e a dona do imóvel, Leonice de Oliveira Correia, relatou que ficou em choque ao saber do crime. “Eu cheguei na minha casa 13h e estava tudo quietinho, sempre foi quietinho”, relatou.
Thamires Nathália Rulin, vítima de feminicídio em Piracicaba
Reprodução/EPTV
Ela contou que via Thamires como uma filha. “Como que pode tirar a vida dela de uma tal maneira? Ela é minha filha, tudo que eu faço eu dou para ela. Eu dou um pedacinho para ela…”, lamentou.
Segundo a polícia, o autor do crime já tinha sido preso com base na Lei Maria da Penha em outra situação. Em depoimento ele confessou que se envolveu em outro caso de violência há cerca de dez anos, contra a ex-mulher.
Ele foi preso em flagrante e deve responder por feminicídio.
Confissão
De acordo com a Polícia Militar, o crime teria sido motivado por ciúmes. O homem, segundo justificativa dada por ele à polícia, teria visto mensagens da vítima enviadas a outra pessoa.
O crime ocorreu por volta das 8h30, na casa onde o casal morava há cerca de um ano, na Rua João Eugênio Piedade. Ele se entregou por volta de 17h30 e chegou a relatar à polícia que teria tentado suicídio após matar a companheira, mas desistiu.
Homem mata companheira em Piracicaba na região do Bairro Santa Terezinha.
Edijan Del Santo/EPTV
“Ele fez ligação 190 e informou o ocorrido. As viaturas da 5ª Cia compareceram ao local, efetuaram a prisão em flagrante e infelizmente a vítima foi localizada no quarto da residência”, explicou a Tenente Débora Baboni Dominiquini, a Polícia Militar.
Esse é o primeiro caso de feminicídio registrado na cidade em 2024.
VÍDEOS: Tudo sobre Piracicaba e região
Veja mais notícias no g1 Piracicaba
Adicionar aos favoritos o Link permanente.